quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

Acordes com notas dissonantes (tensões) no violão

Um acorde dissonante é, em teoria, um acorde que não soa muito bem, porém verificamos que muitas vezes ele cai bem na harmonia. Isso acontece porque aquela nota dissonante muitas vezes faz parte da melodia da música, ainda que não faça parte do acorde básico.

Outras vezes, um acorde dissonante, de tão usado em determinado contexto musical, ele já é esperado, ou seja, culturalmente já não é tão dissonante assim aos nossos ouvidos. Assim, a sétima, que no passado já foi considerado uma nota dissonante, hoje é perfeitamente consoante.

Para identificar um acorde dissonante adicionamos à frente da sigla do acorde, o número da nota dissonante.
Ex.: Cm7/9 (dó menor com sétima e nona)

No violão temos seis cordas e quatro dedos da mão esquerda para montarmos os acordes, então quando se opta pela utilização de tensões (notas dissonantes), faz-se uma substituição de algumas notas do acorde, conforme abaixo:

  • A nona (9) substitui a fundamental (1), que normalmente está duplicada.

  • A quarta (4) substitui a terça (3).

  • A décima terceira (13) e a décima primeira aumentada (#11) substituem a quinta (5).

  • A sexta (6) substitui a sétima (7).

  • A décima primeira (11) substitui a quinta (5) em acordes meio diminutos.

  • A nona (9) e a décima primeira (11) substituem a terça bemol (b3) em acordes meio diminutos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário